Parenting

Como fazer as crianças tomarem remédio

Como levar as crianças a tomar remédio é realmente uma questão difícil para muitos pais. As crianças podem ser rebeldes quando se trata de tomar remédio que é desagradável à vista, ao olfato e ao paladar. É sempre melhor que os pais abordem os filhos cautelosamente quando chegar a hora de lhes dar uma dose diária de algo amargo. Uma série de dicas úteis para ajudar os pais a conquistar seus jovens relutantes são discutidas em detalhes abaixo.

Como fazer as crianças tomarem remédio

1. Explicar os Benefícios

Uma estratégia é repetir os benefícios da medicina em detalhes, o que irá inspirar uma criança doente a suportar o gosto amargo para se sentir melhor novamente. Converse com as crianças sobre como apenas um pouco de remédio regular as ajudará a se tornarem saudáveis ​​o suficiente para interromper o uso do medicamento.

2. Tornar a medicina mais saborosa

Alguns remédios podem ser trocados e consumidos em quantidades diferentes de acordo com sua necessidade e com as instruções dadas pelos médicos. Os pais podem consultar os médicos para fornecer aprovações para o uso de diferentes estratégias para tornar o medicamento mais atraente para as crianças. Por exemplo, refrigerar uma dose líquida ou administrar medicamentos com suco ou outras bebidas para disfarçar o sabor desagradável.

3. Dê Escolhas aos Seus Filhos

Oferecendo opções de crianças pode dar-lhes uma forma de controle sobre sua condição. Se uma criança suspeitar que está sendo forçada a fazer algo que não quer fazer, a tarefa pode se tornar bastante difícil. A coerção pode fazer maravilhas se usada com a estratégia correta. A escolha entre a escolha da bebida com a qual se toma remédio pode ajudar a dar-lhes uma ideia de familiaridade e excitação, o que facilita a aceitação do medicamento. Você também pode dizer-lhes que eles podem escolher entre um novo livro e um tempo extra de televisão se eles tomarem o remédio. Essa técnica é uma das mais eficazes ao responder como levar as crianças a tomar remédio.

4. Envolva Seus Filhos

Dar às crianças uma idéia do que vai acontecer pode ajudá-las a se envolver e se familiarizar com o funcionamento da administração de medicamentos. Administrar a medicina em uma cena lúdica também pode encorajar as crianças a aceitar a situação.

Quando se trata de doenças em crianças que requerem medicação diária para serem administradas em tempo hábil, geralmente é melhor que os pais façam as crianças saberem sobre as possíveis implicações de não tomar a medicação apropriada. Às vezes, a verdade funciona melhor que qualquer estratégia.

5. Faça o remédio colorido

As crianças são atraídas pelas cores: padrões coloridos, roupas vibrantes, joias exóticas, cosméticos reluzentes; você nomeia e eles amam isso. Quando se trata de medicação, a mesma ideia é aplicável. As crianças preferem beber ou tomar remédios que sejam atraentes em sua aparência externa. Pálido rosa em comparação com um vermelho frutado vai ser maçante, chato e desagradável. Uma mudança para o vermelho vibrante pode ajudar as crianças a se concentrarem mais na aparência externa do que no fato de estarem fazendo algo que não querem.

6. Tente Técnicas de Deglutição

Crianças de até quatro anos de idade podem ser ensinadas a engolir comprimidos inteiros. Uma alternativa é quebrá-las em fragmentos. Pedaços de pílulas podem ser adicionados em porções de gelatina, o que ocultará a amargura do remédio. Outras maneiras de ensinar as crianças a engolir comprimidos inteiros são os comprimidos revestidos com líquidos que os tornam escorregadios o suficiente para serem engolidos facilmente.

7. Misture Medicina com Comida

Alguns medicamentos estão disponíveis em fórmulas em pó, mas também podem ser esmagados de acordo com a conveniência das crianças. É sempre melhor consultar os médicos e especialistas em saúde sobre os medicamentos que podem ser administrados em forma de pó. O pó pode ser adicionado a uma xícara de suco ou adicionado ao pudim. Certifique-se de que a criança termine a ajuda completa.

8. Evite a luta física

É sempre melhor dar remédio para o seu filho com a confirmação dele ou dela. Forçar uma criança a tomar remédio não é saudável e é difícil manter a mesma atividade por longos períodos de tempo. A administração forçada também pode incutir sentimentos hostis na criança, o que pode se manifestar como um traço negativo. É aconselhável que os médicos e terapeutas se aproximem para aconselhamento profissional depois de não terem evitado esforços físicos durante a administração de medicamentos. É melhor procurar ajuda profissional do que tentar força física quando se trata de crianças pequenas.

9. Deixe as crianças saberem as conseqüências

Proporcionar uma criança com diferentes opções para escolher tomar remédio complacente ou com força também é uma estratégia útil. Frases como "Eu vejo que você está desperdiçando o seu tempo de jogo, evitando o seu remédio." Usando pequenos subsídios como gráficos de etiqueta ou mini certificados no caso de fazer com sucesso as crianças tomarem suas doses diárias é uma técnica eficaz.

10. Obtenha assistência

É sempre melhor alternar a tarefa de administrar medicamentos entre pais. Se um pai / mãe solteiro (a) for obrigado a realizar a tarefa, a criança pode abrigar sentimentos negativos por esse pai em particular e visualizar o outro como um fim fraco. A alternância pode dar às crianças a impressão de que não há como evitar a dose de medicamento de um dos pais.

11. Encontre o Formulário de Supositório

Para crianças que estão cronicamente doentes ou agressivamente resistentes, alguns medicamentos estão disponíveis na forma de supositórios. Os pais devem consultar médicos e especialistas em saúde, pois essa forma de medicação depende do peso da criança.

O vídeo a seguir compartilha a experiência de um pai sobre como levar as crianças a tomar remédio:

Загрузка...